Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Licenciatura em Computação
Início do conteúdo da página
Licenciatura em Computação

Licenciatura em Computação

Publicado: Segunda, 12 de Novembro de 2018, 04h43 | Última atualização em Segunda, 12 de Novembro de 2018, 04h45 | Acessos: 178

METODOLOGIA DO CURSO

A proposta metodológica do curso graduação em Computação, modalidade Licenciatura, consiste em reavaliar sucessos e fracassos, analisando-os para que apontem novas perspectivas, de modo a reenquadrar a experiência adquirida num contínuo aprendizado. Não poderá ser de outra forma com as mudanças com que nos deparamos, com a velocidade que o mundo atingiu. Assim, todo o medo se extingue e toda experiência é como uma nova porta que pode levar à motivação do continuar e à autoestima que nos sustenta.

A metodologia é, sobretudo, um conjunto de convicções pedagógicas, norteadoras das ações didáticas, em determinado campo do conhecimento humano. Com base nestes pressupostos, foram definidos os seguintes princípios metodológicos para o curso de Licenciatura em Computação:

  • Constante relação entre teoria e prática (a teoria é a prática sistematizada, tem na prática seu sentido e a ela deve voltar para continuar seu caminho na construção do conhecimento, ou seja, o processo ensino-aprendizagem se efetua na dinâmica ação-reflexão-ação);

  • Construção/reconstrução do conhecimento é estratégia básica para o ensino (as situações de ensino-aprendizagem devem ser direcionadas à gênese do conhecimento);

  •  O currículo precisa estar intimamente relacionado à realidade de vida do aluno e à realidade social (a relação com a vida, com a sociedade acontece na problematização, integrando os diferentes saberes que compõem o currículo do curso);

  • A pesquisa, enquanto a linha de pensamento e de ação é estratégia indissociável do ensino (da formação de professores com capacidade de investigação reflexiva e não meros repetidores de informações desconexas);

  • Contato permanente com a realidade escolar (desde o início do currículo universitário deve-se propiciar o desenvolvimento de experiências pedagógicas, dando condições para que sejam incorporadas situações práticas e reflexões sobre a Educação).

O curso de graduação em Computação, modalidade Licenciatura, ora apresentado, valoriza mecanismos capazes de desenvolver no aluno a cultura investigativa, metodológica e a postura proativa que lhe permite avançar frente ao desconhecido. Diante de tais mecanismos explicita-se, ainda aqui, a integração do ensino com a pesquisa; projetos em parceria da UFRA com empresas e órgãos governamentais, os programas de iniciação científica e os programas específicos de aprimoramento discente, como por exemplo, o Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (Pibid), o Programa de Educação Tutorial (PET), dentre outros.

OBJETIVO GERAL

Propiciar uma formação interdisciplinar sólida e abrangente de profissionais, com base nas áreas de computação e educação, para atuarem no ensino básico e superior, enfatizando aspectos científicos, técnicos, pedagógicos, humanísticos e sociais, permitindo-os prover o conhecimento científico e tecnológico da computação aplicado ao ensino e aprendizado.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  • Formar profissionais com caráter interdisciplinar, que possuam uma sólida formação teórica aliada à prática, permitindo-os prover o conhecimento científico e tecnológico da computação aplicado à educação;

  • Possibilitar a formação interdisciplinar em consonância com o modelo pedagógico da UFRA;

  • Formar profissionais capazes de usar e projetar tecnologias de informação e comunicação e metodologias de ensino adequadas às necessidades da sociedade, possibilitando que a região norte do país seja inserida no mercado de produção de tecnologias educacionais;

  • Disponibilizar para o mercado (instituições de ensino, empresas de desenvolvimento de softwares e órgãos do governo), profissionais que sejam capazes de conduzir processos de ensino/aprendizagem e desenvolvimento de projetos de softwares educacionais, tendo as tecnologias de informação e comunicação como uma ferramenta didático-pedagógica.

 

 

Fim do conteúdo da página